Sessão solene de posse de novos acadêmicos e concessão do Título de Acadêmico Benemérito

Local: Auditório Profa. Terezinha Mamona - Centro Universitário UniFTC
Data: 06 de Junho de 2019

A luz do conhecimento ilumina e transforma tudo: as pessoas, as relações, uma comunidade, a vida. E na noite de quinta-feira, 6 de junho de 2019, este valor inestimável alçou suas luzes para a Academia de Educação de Feira de Santana. Numa cerimônia bastante concorrida, que aconteceu no auditório Professora Terezinha Mamona, do Centro Universitário UniFTC/Feira de Santana, aconteceu a posse de quatro novos acadêmicos titulares e a outorga do primeiro Título de Acadêmico Benemérito.

O ingresso dos novos membros favorece também a possibilidade de compartilhar conhecimento entre gerações diversas, algo singular numa instituição como as academias.

Após a diplomação e juramento, os acadêmicos receberam a tradicional pelerine, medalha e diploma, honrarias características da Academia da Educação.

A saudação aos novos confrades coube ao acadêmico José Raimundo Pereira de Azevedo, que apresentou a trajetória dos novos integrantes, dando especial foco ao desenvolvimento profissional de cada um deles. "Os novos acadêmicos carregam um traço em comum em suas vidas: um currículo marcado por feitos exitosos em vários setores da Educação", destacou.

O acadêmico Jorge Aliomar Barreiros Dantas, novo integrante da cadeira de número 5, substitui o acadêmico Edivaldo Machado Boaventura, falecido ano passado. A cadeira tem como patrona a professora Edith Machado Boaventura. Professor pleno da Universidade Estadual de Feira de Santana, mais alta titulação dentro daquela academia, Jorge Aliomar, disse que "a nova função permite um reconhecimento honroso à carreira". Ele reconheceu também a missão de reverenciar o nome do seu antecessor, Professor Edivaldo Machado Boaventura.
A Professora Ana Angélica Vergne de Moraes, que durante décadas atuou como professora de Literatura também da UEFS, assumiu a cadeira de número 29, cujo patrono é o Professor Edivaldo Machado Boaventura. De forma poética, ela falou de fé e dos desafios que marcam a trajetória dos profissionais de Educação, traçando um paralelo ao momento político enfrentado pelo país. Vislumbrou no novo compromisso como acadêmica "a chance de contribuir de forma alegre e generosa com a oferta de uma educação inclusiva e de qualidade nesta cidade que aprendeu a amar e na qual vive há 50 anos". Encontrou nos recursos próprios da arte e na canção do poeta Gonzaguinha o ensejo para falar da fé, imprescindível para quem milita no vasto mundo do conhecimento: "nunca se entregue, nasça sempre com as manhãs... fé na vida Fé no homem, fé no que virá".

A nova ocupante da cadeira 30, a professora Maria José Pacheco de Andrade Costa foi destacada pela sua paixão e firmeza no ofício. No posto - que tem na educadora Joselice Macedo de Barreiros sua Patrona - reafirmou seu anseio de servir à comunidade de Feira de Santana e falou da gratidão de ter encontrado no ofício de ensinar sua realização profissional e também como ser humano.

O Professor Cristiano Lôbo da Silva, que assumiu a cadeira de número 31, recordou sonhos e anseios da infância na vizinha cidade de Santo Estevão, onde foi criado e encontrou sustentáculo familiar para crescer profissionalmente. Há 20 anos superando desafios nas diversas funções acadêmicas e de gestão na FTC, tornou-se ainda jovem o principal responsável por uma série de mudanças naquela faculdade, dentre as quais, a transformação da instituição em Centro Universitário, o UniFTC. Falou sobre o novo desafio como acadêmico e ressaltou a luta pela realização de muitos sonhos. Ao destacar o patrono da sua cadeira, Eduardo Matos Portela, que foi ministro da Educação, se comprometeu a continuar dedicando sua vida ao ofício de aprender, "como bem nos inspira a poeta Cora Coralina: amando o que faço e feliz por transferir o que sei. Sou mesmo é acadêmico, acadêmico da Academia de Educação".

A secretária da Academia, Marilene Carneiro Barreto, foi homenageada com o título de Acadêmica Benemérita, como forma de reconhecimento pelos relevantes serviços prestados de maneira voluntária desde a sua criação, em 2007. Primeira funcionária da UEFS, torna-se também a primeira pessoa a receber o título de Benemérita. Em seu discurso, ela ressaltou a sua trajetória, desde que veio residir em Feira de Santana, em 1964, falando da sua realização profissional e da sua atuação como secretária executiva da UEFS, onde trabalhou desde os primeiros passos da sua implantação, em 1972, servindo junto aos seis primeiros Reitores daquela instituição.

Ao encerrar a solenidade, o presidente da Academia, professor Josué da Silva Mello, expressou, de forma entusiasmada, a alegria de receber novos e tão importantes membros. Destacou características pessoais de cada um deles e o novo vigor pelo qual a instituição deve passar: "vamos aprender de novo - com as inteligências e experiências diversas dos novos acadêmicos". Enumerou as atividades da instituição em prol de Feira de Santana, discutindo os problemas e anseios mais comuns da região e da história deste município, sempre no âmbito da educação.

A solenidade foi prestigiada por uma série de autoridades, dentre as quais, o diretor geral da FTC Itabuna, Kaminsky Mello Cholodovskis que, em nome daquela instituição homenageou o professor Cristiano Lôbo com uma placa pelos serviços prestados àquela unidade de ensino. O ex-prefeito de Feira, José Ronaldo de Carvalho, a professora Marcly Amorim Pizzani, diretora do Centro Universitário UniFTC Feira de Santana, o professor Astor de Castro Pessoa, Presidente da Academia Baiana de Educação, o Monsenhor Luiz Rodrigues Oliveira, pároco da Igreja Senhor dos Passos e o Padre Paulo de Tarso pároco de Santo Estêvão, o Sr. Washington Farias de Cerqueira, diretor da Academia Maçônica de Letras/Região Cacaueira, a Profa. Liacelia Pires Leal, presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Feira de Santana, dentre outros.

Os artistas Carla e Marcel Torres encheram o auditório de música, entoando o Hino Nacional e canções da Música Popular Brasileira.

Ao final, um coquetel de congraçamento, em clima de muita alegria e descontração entre os presentes.


Clique aqui e veja algumas imagens...




  ACADEMIA DE EDUCAÇÃO DE FEIRA DE SANTANA - Direitos Reservados © 2019
Rua Itacarambi, s/nº - Muchila I - 44080-360 - Feira de Santana, Bahia
E-mail: contato@academiadeeducacao.org.br